Construção do novo Centro de Análise de Fibras da Abapa avança em Luís Eduardo Magalhães

A obra de construção do novo Centro de Análise de Fibras da Abapa avança, em Luís Eduardo Magalhães. As equipes de engenharia contratadas seguem trabalhando para concluir a etapa da fundação, para depois seguir com a etapa de alvenarias, parte da cobertura do laboratório e implantação do sistema de climatização. Paralelo aos trabalhos no laboratório, o empreendimento dará início à construção de alvenaria e cobertura da área administrativa.

Segundo o gerente do laboratório da Abapa, Sérgio Brentano, as obras em andamento preveem a conclusão dos serviços no final de outubro. A construção do novo laboratório possibilitará o aumento da capacidade de classificação da fibra dos produtores associados da entidade. “Com o dobro de equipamentos que serão instalados na nova estrutura, conseguiremos aumentar a capacidade de análises do laboratório, que deverá atingir 60 mil amostras analisadas por dia”, afirma.

Empreendimento – A estrutura terá uma área total de 9.619,97 m² de construção, dos quais 4.600 m² serão destinados ao novo laboratório, que abrange salas para a classificação com as máquinas HVI, classificação visual, recepção de amostras, armazenamento de malas e fardos, acondicionamento, além de um subsolo para área técnica da estrutura do laboratório. A área administrativa reservará espaço para o museu do algodão, salas de reuniões, cozinha, refeitório, banheiros, auditório com capacidade para cerca de 500 pessoas, dentre outros.

Informações e Foto: Abapa

  • Compartilhe: