SAIU NA ADORO: Caminhos da fé: o turismo religioso no roteiro dos brasileiros  

Texto: Redação

Um segmento que cada vez mais se destaca no turismo no Brasil é o religioso. O nicho é responsável por movimentar R$ 15 bilhões na economia brasileira, conforme dados do Ministério do Turismo, e a tendência é de que siga crescendo de acordo com as previsões do órgão. Para se ter uma ideia, são mais de 20 milhões de viagens anuais e 8,1 milhões de viagens domésticas movidas somente pela fé. 

Muitos brasileiros se rendem à possibilidade de conhecer novos lugares e vivenciar experiências únicas, numa ideia de passeio que vai muito além de uma viagem tradicional, envolvendo espiritualidade, conexão e renovação da fé. Os destinos geralmente são escolhidos por causa de suas histórias, simbolismos e, principalmente, significados religiosos. 

Essa modalidade do turismo requer atenção redobrada para a experiência do visitante, como conta Francisco Faria, diretor da Owr Turismo, empresa que atua há 13 anos em Barreiras, Oeste da Bahia: “Nosso diferencial é oferecer roteiros específicos que atendam às necessidades e interesses de cada pessoa, independente da religião com a qual ela mais se identifica, sempre de forma muito respeitosa.”

De acordo com ele, um dos locais mais requisitados é a cidade de Jerusalém, capital israelense e uma das cidades mais antigas do mundo. Entre os pontos de visitação estão o Monte Santo, o lugar mais sagrado do judaísmo, onde acredita-se que o antigo Templo de Salomão estava localizado. Lá é possível conhecer a Mesquita Al-Aqsa, construída no século VIII sob as ruínas do Primeiro Templo de Jerusalém. O empresário explica que o Monte das Oliveiras, por onde Jesus teria passado para realizar os famosos sermões, também entra no roteiro. 

 

Para Francisco, entre os destinos mais procurados está a Jordânia, pela beleza, história e religiosidade: “No país, o atrativo mais conhecido é Petra, uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno. O famoso sítio arqueológico já foi cenário de filme e guarda os resquícios de uma imponente cidade esculpida na rocha há mais de 2.000 anos. Um lugar impressionante que possui monumentos grandiosos e caminhos formados por paredes rochosas de até 80 metros de altura”, conta ele.

Mas não é somente de visitas culturais que vive o turismo fortalecido pela religião. O diretor da Owr Turismo conta que a procura é alta para encontros e congressos religiosos. “Não podemos deixar de citar as visitas frequentes ao G12, fundado e liderado pelo pastor César Castellanos, na Colômbia, e também às Torres de Oração em Tulsa, Oklahoma, nos Estados Unidos, que sempre estão bem posicionadas no ranking de procura dos nossos clientes. E é isso que buscamos promover: uma experiência real, segura e impactante para cada um que viaja conosco”, conclui o empresário.

Fotos: Arquivos Pessoais

  • Compartilhe: