SAIU NA ADORO: O Líder Inspitador, por Adna Chrisóstomo

Quando se trata do tema liderança, há uma multiplicidade de ideias, conceitos e experiências partilhadas. No entanto, para viver uma liderança inspiradora, antes de tudo, é preciso exercer a autoliderança, ou seja, liderar a si mesmo em primeiro lugar.

É o exercício do autoconhecimento e a disposição do coração para governar suas próprias emoções. E para que o líder consiga liderar bem a si mesmo, é preciso adquirir uma forte convicção acerca de quem se é.

O seu “Perfeito Você” na totalidade, com suas forças e fraquezas, e a coragem extravagante de ser imperfeito. Essa é a chave para tornar-se um líder inspirador. Aquele que aprendeu a ir ao profundo do seu Ser e viver os processos necessários para o crescimento pessoal.

Um líder formado sem processos não inspira, nem contagia, contamina. Como afirma Kofman: “Se você espera se tornar um líder inspirador, a primeira coisa que deve entender é que tal liderança não tem nada a ver com autoridade formal: ela tem a ver com autoridade moral. Corações e mentes não podem ser comprados ou coagidos, devem ser merecidos e conquistados.”

Acima de tudo, o líder inspirador é o que rege sua vida e lidera por um princípio maior: o amor. E a partir desse princípio maior, o foco do mesmo não é sua realização pessoal, mas sua transformação.

O que torna um líder que inspira, motiva e vive pelo propósito, é a consciência de que “O que muda o mundo não é o que fazemos, mas em quem nos tornamos” – Paes.

O líder inspirador está engajado em um projeto que transcende seus pequenos egos e o conecta a um propósito maior. Ele é livre e forte, não tenta controlar as pessoas, mas a si mesmo.

Concluo que um líder inspirador tem como base em sua vida a verdade, justiça e equidade, como afirma o sábio Salomão: “Um bom líder motiva e tem autoridade; não conduz ao erro, nem tira vantagem (…), pois é na justiça que a liderança se fundamenta”- Provérbios de Salomão.

Seja Inspiração!

Adna Chrisóstomo é coach, palestrante e mentora.

Foto: Divanildo Silva

  • Compartilhe: