‘Dicionário dos Rótulos’: entenda os ingredientes presentes nas embalagens de chás e sucos

Você já ouviu falar no ‘Dicionário dos Rótulos’?! Compreende o significado dos itens descritos nas tabelinhas dos produtos, sejam eles sucos ou chás? Se sim, você é exceção. Na prática, diante de tantas opções nas prateleiras, a maioria das pessoas fica realmente sem saber qual é o item é ideal para uma alimentação mais equilibrada. E por isso, entender as informações que estão nos rótulos é essencial na hora da escolha e para a composição de uma alimentação mais equilibrada.

Pensando nisso, o iBahia em parceria com a nutricionista Fernanda Monteiro, da Campo Largo, preparou um guia que explica de forma simples os ingredientes utilizados na produção de bebidas e como eles aparecem nas embalagens. Confira:

  • Potássio: ele é um dos sais minerais fundamentais para o bom funcionamento do organismo, auxiliando na saúde cardiovascular, circulação sanguínea e no controle da hipertensão. “É uma ótima fonte de energia e pode ajudar, inclusive, na prevenção de dores como cãibras”, comenta a especialista.
  • Magnésio: mineral importante e bastante benéfico ao corpo, ajuda no alívio de dores musculares e azia, na prevenção da osteoporose e consegue controlar os níveis de açúcar presentes no sangue. “O magnésio consegue, até mesmo, melhorar o nosso humor. Ele está relacionando com a produção de serotonina, um neurotransmissor que ajuda a diminuir a ansiedade e a controlar as oscilações de humor”, relata Fernanda.
  • Fósforo: segundo mineral em maior quantidade no corpo humano, o fósforo atua no metabolismo muscular e no sistema nervoso. “Um adulto saudável deve consumir cerca de 700mg do mineral por dia”, alerta a profissional. Isso porque, a falta do fosforo no organismo pode causar problemas como dores ósseas, taquicardia, perda de memória e problemas metabólicos.
  • Manganês: ajuda a regular o metabolismo e a controlar a glicose no sangue, mantendo o índice glicêmico estável. “De maneira indireta, é um ótimo aliado para evitar o surgimento de problemas cardiovasculares”, explica Fernanda. O mineral também ativa as enzimas do corpo, responsáveis pelo crescimento de toda a estrutura óssea do corpo humano, e auxilia na absorção de nutrientes, como a vitamina E.
  • Fibras Alimentares: elas auxiliam na manutenção da flora intestinal, diminuem a absorção do colesterol, de gorduras e açúcares, não fornecem calorias e causam sensação de saciedade prolongada.
  • Vitamina E: nutriente com ação antioxidante e anti-inflamatória, impedindo o envelhecimento precoce das células do corpo. “A Vitamina E também possui uma ação protetiva, prevenindo o aparecimento de rugas e diminuindo o risco de desenvolver doenças, como câncer e Alzheimer”, ressalta.
  • Vitamina C: são diversos os benefícios que a Vitamina C proporciona, desde o reforço a imunidade e o combate do envelhecimento da pele, até o combate ao estresse e a melhora do bom humor.

“Sempre que as informações não estiverem de maneira tão clara no rótulo, vale entrar na internet e conferir o significado antes de levar o produto para casa. É uma forma de garantir que a bebida ingerida atenda as necessidades de quem está comprando”, indica a especialista.

Fernanda Monteiro ainda comenta que, quando o produto é voltado, de fato, para uma alimentação equilibrada, fica mais fácil de entender as informações nutricionais. “Quando o produto tem essa proposta, ele já traz nomenclaturas conhecidas pelo público que pratica hábitos mais saudáveis; além de ser termos que o público mais leigo também tem afinidade”, finaliza.

Informação do IBahia.
Foto: Pexels

  • Compartilhe: