Veja 6 alimentos aliados na prevenção e no tratamento de varizes

Na contagem regressiva para o verão, estação que acompanha os brasileiros de 21 de dezembro a 20 de março, a atenção se volta aos cuidados com as pernas, parte do corpo bastante exibida em minisaias e vestidos. Um dos problemas que mais incomodam as mulheres nessa região são as varizes, veias dilatadas e tortuosas que, além de afetarem a autoestima, podem indicar uma doença complexa e prevalente: a insuficiência venosa crônica (IVC).

Segundo a Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular (SBACV), “as varizes são veias superficiais anormais, dilatadas, cilíndricas ou saculares, tortuosas e alongadas, caracterizando uma alteração funcional da circulação venosa do organismo, com maior incidência no sexo feminino”.

Entre os principais fatores de risco para a IVC, destaque para obesidade, histórico familiar, posturas inadequadas no trabalho, idade avançada, número de gestações e, principalmente, sedentarismo.

A cirurgiã vascular Aline Lamaita revela os principais tratamentos para os temidos vasinhos. “Escleroterapia (substância química injetada dentro da veia), lasers, radiofrequência, espuma densa ou procedimentos que combinem as técnicas são excelentes opções”, afirma.

Um estudo publicado recentemente no Journal of the American College of Nutrition identificou alimentos que exercem um papel importante na prevenção e no tratamento das veias varicosas. São eles:

1. Mirtilo

Os mirtilos, também conhecidos como amoras silvestres, possuem propriedades altamente antioxidantes que melhoram a saúde arterial, combatem as inflamações e fortalecem as veias. De acordo com os pesquisadores, eles também ajudam a melhorar o sistema vascular e a integridade dos vasinhos. Já os flavonóides presentes na fruta são anti-inflamatórios, protetores contra coágulos sanguíneos e antioxidantes.

2. Uva

A fruta possui fito nutrientes antioxidantes, como antocianinas, que fortalecem os capilares e também reduzem o inchaço das varizes.

3. Semente de chia ou linhaça

A chia e a linhaça são conhecidas pelo alto teor de fibras, que ajudam na função digestiva, na saúde do coração e aumentam a pressão nas pernas e no abdômen.

4. Alho

É relatado pelos pesquisadores como uma das 10 ervas mais usadas para doenças como distúrbios cardiovasculares e obesidade. Além disso, um composto bioativo encontrado no alho chamado alliin (ou allicin) auxilia na prevenção da trombose.

5. Gengibre

Segundo o estudo, o consumo de gengibre exerce uma ação anti-inflamatória que ajuda a melhorar a circulação sanguínea e a dissolver a fibrina, proteína ligada ao engrossamento das veias.

6. Castanha da Índia

De acordo com o levantamento, a castanha da Índia é rica em escina, um princípio ativo de origem vegetal que provou ser anti-inflamatório e capaz de diminuir a permeabilidade vascular.

Informações de Metrópoles.
Foto: Freepik

  • Compartilhe: