Colunista Leo Dias é condenado à prisão após polêmica com Tiago Leifert

O colunista Leo Dias, do Metrópoles, pode ser preso. Isso porque ele foi condenado pela Justiça do Rio de Janeiro a uma pena de um ano e três meses após uma treta que protagonizou com Tiago Leifert e o pai do ex-apresentador. A ação foi movida pelo próprio ex-Globo e pelo pai dele, Gilberto Leifert.

A pena pode ser substituída pelo mesmo período de serviços prestados à comunidade ou entidades públicas e ao pagamento de 67 dias-multa, arbitrado em metade do salário-mínimo à época (aproximadamente R$ 40 mil).

Em 2020, Leo Dias publicou uma matéria intitulada “Homem forte do CONAR, que atacou Gusttavo Lima, é pai de Tiago Leifert”. Rapidamente os advogados do ex-apresentador do BBB levaram o caso à justiça.

O jornalista foi acusado de fazer ilações e insinuar que Gilberto Leifert teria influenciado a abertura de uma investigação contra o cantor.

A defesa de Leo Dias alegou exagero. Na decisão, no entanto, o juiz Flávio Itabaiana concordou com Leifert. “O conteúdo da matéria transmite aos leitores a falsa impressão de que Gilberto estaria disposto a utilizar o respeito e prestígio conquistado ao longo de décadas de trabalho, para atingir o cantor Gustavo Lima, pessoa com quem ele nunca esteve e de quem não tem nada contra”, diz a petição, segundo informações da Contigo.

Com informações do A Tarde.
Foto: Divulgação/SBT

  • Compartilhe: